Concurso PC DF 2019 – Inscrições, Vagas


O novo concurso da Polícia Civil do Distrito Federal para 2020 tem a oferta de 600 vagas para o cargo de Agente de Polícia.

Após alguns anos, a Polícia Civil do Distrito Federal anunciou que vai realizar um novo concurso público. A instituição vai oferecer oportunidades para admissão imediata e também para a formação de um cadastro reserva. No texto abaixo, você encontra os principais dados a respeito desse anúncio e também outros dados importantes para aqueles possam se interessar nesse processo de seleção.

Dados iniciais a respeito do novo concurso promovido pela Polícia Civil/DF para 2020

Os certames que tem como objetivo contratar profissionais para atuarem na área policial costumam atrair um grande número de pessoas. Devido a isso, esse tipo de processo seletivo oferece um grande número de colocações. E com o novo concurso público da Polícia Civil do Distrito Federal esse fato não é diferente.


No início do mês de setembro foi divulgada a autorização por parte dos órgãos responsáveis a abertura de 600 cargos imediatos para a função de Agente de Polícia. O comunicado ainda ressalta dois pontos importantes. O primeiro diz respeito à formação de um cadastro com nomes de futuros servidores para o cargo de agente. Essa lista vai contar com mais 1.200 oportunidades. Além disso, o certame que ainda não foi divulgado, ainda prevê a contratação de 300 pessoas para atuarem como escrivães. Alguns rumores indicam que o edital deve ser divulgado na primeira metade do ano de 2020.

Os processos admissionais para a incorporação de novos policiais para qualquer que seja a área costumam ter algumas condições. No caso das pessoas interessadas em se tornarem policiais civis a principal exigência é a formação em nível superior. Geralmente são aceitos as mais diferentes graduações, mas essa informação de fato só será confirmada com a publicação do documento oficial. Importante lembrar que requisitos como: bons antecedentes criminais; atividades eleitorais regularizadas e apresentar que possui condições psicológicas e físicas e outros são indispensáveis para concorrer a uma das vagas. Por fim, um último informe é que os salários, para ambos os cargos deve ser acima de R$ 8.000,00.

Os pontos cruciais do último certame realizado pela instituição

Um dos pontos mais importantes durante o processo de preparação de um concurso é a análise dos documentos oficiais de edições anteriores daquele processo admissional. Por isso, este tópico vai apresentar as informações mais importantes a respeito do último certame da PC do DF.



O último processo admissional do órgão ocorreu há seis anos, mais precisamente, no ano de 2013. O documento oficial da época informava que a PC pretendia contratar 398 novos servidores. As oportunidades foram fracionadas da seguinte forma: 98 colocações para a ocupação de escrivão e o restante, ou seja, 300 vagas para o ofício de agente de polícia. Na ocasião, a banca organizadora escolhida foi o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos Universidade de Brasília, o CESPE/UnB.

As pessoas que se inscreveram no processo seletivo precisaram partir de nove avaliações distintas que foram divididas em duas etapas diferentes. Confira as características de cada uma dessas provas:

– Primeira etapa:

Prova 01: teste objetivo de conhecimentos básicos. Ao todo a avaliação era composta por 60 questões. Conteúdos da avaliação: língua portuguesa, noções de informática, raciocínio lógico e atualidades.

Prova 02: avaliação de múltipla escolha de conhecimentos específicos. O caderno de questões também contava com 60 perguntas. Matérias presentes no teste: noções de direito constitucional, direito administrativo, direito penal, direito processual penal, legislação específica e legislação penal extravagante.

Prova 03: exame de caráter discursivo.

As três primeiras provas tinham caráter classificatório e eliminatório e também ocorreram no mesmo dia, na data de 10 de novembro de 2013. Os inscritos tiveram ao todo 4 horas e 30 minutos para responder todos os questionamentos.

Prova 04: verificação das condições físicas dos participantes.

Prova 05: exames biométricos e avaliação médica.

Prova 06: teste psicológico.

Prova 07: verificação da conduta social dos candidatos.

Da 04ª a 07ª avaliação os participantes realizaram avaliações de caráter eliminatório.

Prova 08: avaliação de títulos. Exame da modalidade classificatória.

– Segunda etapa:

Prova 09: curso de formação para os cargos de agente de polícia ou de escrivão. Fase classificatória e também eliminatória.

O edital ainda trazia, na parte dos anexos, os assuntos específicos de cada matéria e também os pontos avaliativos de exames médicos, psicológicos e dos demais exames. O salário para os aprovados era R$ 7.514,33, a jornada de trabalho era de 40 horas por semana. Já a taxa de inscrição foi fixada em R$ 210,00 para ambos os cargos.

Por Isabela Castro

Concurso

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *