Concurso Previsto MTE 2018 – Vagas


Foi solicitado junto ao MPOG o concurso do Ministério do Trabalho e Emprego para mais de 1,5 mil vagas em diversos cargos.

Já foi solicitado ao Ministério Público do Planejamento Orçamento e Gestão (MPOG) o concurso do Ministério do Trabalho e Emprego. (MTE). No pedido, consta a solicitação de 1.307 vagas para o cargo de Agente Administrativo, em que para concorrer é necessário ter ensino médio.

Que tal aproveitar a oportunidade e iniciar a sua preparação para o concurso MTE?


Concurso MTE: vagas esperadas!

A boa notícia para o concurso do MTE é que a solicitação para o certame já foi protocolada e já tiveram algumas movimentações internas. O pedido para 1.307 vagas para Agente Administrativo já foi feito e, além disso, também há solicitação para 32 vagas para o cargo de Arquivista, 93 para Administrador, 58 para Contador, 2 para Bibliotecário, 5 para Estatístico, 5 para Engenheiro, 26 para Psicólogo, 4 para Sociólogo, 10 para Técnico em Comunicação Social, 10 para Técnicos em Assuntos Educacionais e 12 para Economista.

Para essas oportunidades a remuneração inicial é de R$ 5.494,09. A expectativa é que o concurso seja autorizado pelo MPOG e o edital do concurso MTE ocorra em 2019.

Concurso MTE: sobre o último certame!

O último concurso MTE ocorreu em 2014 e ofereceu oportunidades para o cargo Agente Administrativo. Organizado pelo Cespe/Unb, o certame contou com provas de conhecimentos básicos e específicos.



Na parte de conhecimentos básicos, os conteúdos cobrados foram de informática, português, administrativo, atualidades, administração financeira e orçamentária e também ética no serviço público.

Em relação a conhecimentos específicos, foram cobrados conteúdos de gestão de pessoas na organização, legislação específica, arquivologia, administração de recurso material e também conhecimentos sobre noção de gestão e fiscalização de contrato e convênio.

Concurso MTE: como começar a estudar?

– Como o edital ainda não está publicado, o candidato terá um bom tempo para construir o seu conhecimento e estudar as disciplinas com calma, sobretudo se estiver iniciando a sua preparação agora.

– O primeiro passo é ler o edital do último concurso MTE com calma e fazer um planejamento de estudo com base no último documento. Para isso, é só acessar: http://www.cespe.unb.br/concursos/MTE_14_NM_NS/arquivos/EDITAL_N___1___ABERTURA.PDF.

– A banca do último concurso foi a Cespe/Unb, que é uma das organizadoras consideradas mais difíceis. Para entender o perfil da banca, compreender o estilo de cobrança e os tipos de assuntos mais cobrados é fundamental fazer exercício.

– No seu planejamento, inclua resolução exaustiva de exercício. Isso vai ajudar você não só a entender o perfil de cobrança do Cespe/Unb, mas a manter o conteúdo fixo na sua memória.

– O seu planejamento deve ser dividido em teoria, revisão e exercício. A revisão pode ser feita por questões, por exemplo.

– Se este é o seu primeiro concurso ou você ainda não tem muita base, faça um curso presencial ou on-line. Isso ajudará você a manter o foco e conhecer os assuntos mais cobrados. Além disso, dará um direcionamento.

– Compre materiais e apostilas que sejam atualizados de acordo com o concurso público do MTE. Cuidado e pesquise antes de comprar qualquer tipo de material, pois existem muitos que estão desatualizados.

– Descubra o seu método de estudo e foque nele. Para isso, teste vários e veja o qual combina com você.

– Durante a sua preparação, procure fazer outras provas que tenham conteúdo parecido com o concurso MTE. Aproveite a oportunidade para testar os seus conhecimentos, saber quais conteúdos está bom ou não e no que você precisa melhorar.

– Separe um dia na semana para você fazer simulado. Simule como se, realmente, fosse o local da sua prova. Por meio do simulado, você saberá em que conteúdo está bom e no qual precisa revisar ou reforçar o conhecimento.

– Dê o seu melhor para colher os resultados que espera e acredite no seu potencial.

Bons estudos e muito sucesso!

Por Babi

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *